Aviso importante aos associados do SINPRFRJ

Aviso importante aos associados do SINPRFRJ

Colegas filiados

 

Essa madrugada foi aprovada emenda aglutinativa acrescentando uma “regra de transição” para os integrantes civis da segurança pública da União e DF.

 

Vale ressaltar que o texto da emenda foi recusado pelos representantes dessas entidades, pois, atende uma parcela ínfima do efetivo, menos de 5%, deixando os outros mais de 95% dos policiais sem uma regra de transição.

 

Dessa maneira é injusta e desproporcional, em especial com as mulheres policiais e com aqueles que se encontram mais próximos da aposentadoria, além da desproporcionalidade com as regras de transição oferecidas ao militares, que possuem similaridade em relação às atividades desenvolvidas pelos policiais.

 

O SINPRFRJ e a  FENAPRF, assim como toda UPB, não nos sentimos representados por essa regra de transição, assim, não desistiremos de buscar uma regra que realmente seja justa e aplicável à toda categoria.

 

A emenda foi fruto de um acordo entre líderes parlamentares e parlamentares, diante de um impasse nas negociações.

 

O discurso do Deputado Federal Hugo Leal, presidente da frente parlamentar em defesa da PRF e autor da emenda 8, apresentada e destacada na Comissão Especial, nos representa, ao esclarecer a situação e a injustiça que estamos enfrentando nessa PEC.

 

Nelson Antônio

Presidente do SINPRFRJ

 

Marcelo Azevedo

Diretor Jurídico da FENAPRF